anr_natal
Novidades

Fafipar promove curso de Couro de Peixe em Pontal do Paraná

couro-peixe-600x400

O campus da Universidade Estadual do Paraná (Unespar) em Paranaguá (Fafipar) está com inscrições abertas para o curso de transformação da pele de peixe em couro.

O objetivo é criar novas possibilidades de trabalho para a população do litoral paranaense, especialmente aos moradores de Paranaguá, Matinhos e Pontal do Paraná.

A intenção é formar novos profissionais na produção de couro de peixes para participarem, futuramente, da “Associação Flores D’água”, no Provopar da Praia de Leste. A proposta é gerar trabalho e renda para as comunidades ligadas ao setor da pesca, aquicultura e artesanato.

O curso faz parte do projeto Couro de Peixe, do programa Universidade Sem Fronteiras, em desenvolvimento na Fafipar com investimento da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior. As inscrições podem ser feitas na própria faculdade ou na loja no Provopar, no Balneário Praia de Leste, em Pontal do Paraná (Rua Noêmio Gabriel Simas, nº 138).

Os cursos serão realizados nos dias 22, 23 e 24 deste mês. As inscrições permanecem abertas até sexta-feira (19). Para a inscrição é preciso preencher uma ficha e apresentar cópia do comprovante de residência. Podem participar apenas 10 pessoas, mas, de acordo com a coordenadora do projeto, a professora Kátia Kalko Schwarz, serão realizados novos cursos, conforme a demanda de inscritos. Dentro do mesmo projeto, estão previstos cursos de artesanato em couro e escamas de peixe.

Exposição apresenta arte e cultura guarani

A Secretaria de Estado da Cultura apresenta, em Curitiba, até o dia 16 de junho uma exposição sobre a arte e a cultura guarani de Guaraqueçaba.

A mostra coletiva “Kuaray Oguatá Porã (Caminho do Sol Bonito) – Arte e Vida Guarani” foi aberta na terça-feira (16), na Sala do Artista Popular (SAP). A mostra é composta por obras da coleção de Gilberto Biscaia, comerciante da região de Guaraqueçaba que, desde 1995, comercializa e coleciona peças de artesanato produzidas pelos indígenas. Atualmente a coleção conta com mais de 300 itens.

Dentro da Sala do Artista Popular, da Secretaria de Estado da Cultura, será montada uma Opy, casa de reza Guarani. Tradicionalmente, ela fica no centro da aldeia. Os índios acreditam que nela estão todas as lideranças espirituais, que rezam e protegem os parentes e familiares da aldeia. É na casa de reza que os guaranis pedem saúde e orientação. Sempre ao anoitecer os índios se dirigem ao local para o rito em busca de um melhor amanhecer.

“Kuaray Oguatá Porã (Caminho do Sol Bonito) – Arte e Vida Guarani”

Local: Sala do Artista Popular

Rua Saldanha Marinho, s/n°, anexo à Secretaria de Estado da Cultura – Curitiba

A mostra permanece até 16 de junho.

Horário de funcionamento: de segunda a sexta-feira, das 10 às 18 horas

Deixe seu comentário

comentarios

Teremos o maior prazer de ouvir seus pensamentos

      Deixe uma resposta

      catorze − 1 =

      Crie sua conta ANR
      Trocar a senha